Quanto custa uma franquia, como funciona o franchising, como funciona o financiamento de franquias, como começar a montar franquia de sucesso? Essa e outras respostas aqui em nosso guia de franquias.

Quanto custa uma franquia

Quem pretende adquirir franquia, muitas vezes não tem idéia do valor do investimento, que, para ser considerado justo, deve levar em consideração, entre inúmeras outras coisas, o setor de atuação, não se prendendo apenas ao valor a ser desembolsado, tanto porque existe a possibilidade de financiamanto de franquias.

Nas franquias de sucesso, o franqueador, que é o dono da marca, cede a quem quer abrir a franquia, chamado de franqueado, o direito de uso de sua marca para distribuir produtos ou prestar serviços em seu nome, mediante um contrato de franquia.

Antes de montar franquia, é necessário se inteirar do modelo de negócio.

Uma das franquias de sucesso mais procuradas por futuros franqueados é a McDonald’s, rede de lanchonetes que, estima-se, custe cerca de 500 mil reais para um franqueado, que terá previsão de retorno de R$1 milhão em cinco anos.

Bom, se este valor não está nos seus planos, opte em adquirir franquia mais barata.

Para se montar franquia da Cia dos Espetinhos, é necessário investir R$245 mil.

A franquia Rei do Mate custa R$190 mil e a escola de idiomas Fisk pode ser franqueada com um investimento inicial de apenas R$55 mil.

Com uma personalidade própria, a Companhia de Café Starbucks tem atraído olhares de franqueados, porém o franchising Starbucks ainda não está disponível, uma vez que suas lojas são próprias.

Para ter acesso ao guia de franquias e verificar o custo inicial médio para montar franquia, clique aqui.

Para regulamentar a negociação, será através do contrato de franquia, que se firmarão as condições de gestão e funcionamento das lojas.

Se você não tem o dinheiro para montar franquias, é possível realizar um financiamento de franquias através do Proex-Franquias, oferecido pelo Banco do Brasil, mediante recurso próprio ou através de financiamento do BNDES ou parceria com a ABF – Associação Brasileira de Franchising, que também mantém convênio com a Caixa e o Bradesco.

O BNDES disponibiliza financiamentos a partir de R$1 milhão para o empreendimento localizado na abrangência dos Programas de Desenvolvimento Regional do BNDES.

Para quem deseja financiar até R$400 mil, o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal parcelam o valor em até 72 meses, tendo 12 meses de carência para começar a pagar o financiamento de franquias. Quanto aos juros praticados, eles giram em torno de 5,4% ao ano, acrescido da TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo).

Neste caso, quem financiar R$ 50 mil em 72 prestações, sem utilizar a carência de 12 meses, pagará R$ 928,77 por um período e depois R$ 1.008,50 de parcela. Após o período, os pagamentos totalizarão R$ 70.013,91. Para conseguir financiamento de franquias dessa forma, é necessário estar vinculado à Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Montar Franquia